Tumores de pele

É bastante frequente nos depararmos com lesões cutâneas suspeitas que tem indicação de serem removidas cirurgicamente. As vezes percebemos sozinhos, e as vezes um dermatologista indica a cirurgia. Quando isto acontece, o ideal é que a pequena cirurgia seja feita por um cirurgião plástico que tenha plenos conhecimentos anatomicos para tratar o problema de forma definitiva e deixar cicatrizes discretas e bem-feitas.

Se você se deparou com uma nova lesão de pele que o preocupa, visite um dermatologista membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia. Este é o profissional ideal para ajudá-lo a definir o próximo passo. Caso seja necessário a retirada da lesão, procure por um cirurgião plastico membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

A maioria destas cirurgias são realizadas no consultório desde que o mesmo tenha estrutura adequada e regulamentada pela ANVISA. A anestesia é local e a internação não é necessária. Entretanto existem lesões maiores que necessitam de internação hospitalar e centro cirurgico completo com a presença de anestesiologista para maior conforto e segurança.

Marque sua consulta